quarta-feira, 14 de janeiro de 2009

HISTÓRIA DA BANDA!


Galera, vamos começar o ano falando da história de Maná... muita gente já conhece, mas também temos fãs novos há cada dia e vamos "tentar" postar aqui "más seguido" e assim deixar esse blog bem atualizado! Arriba pueblo!!!

*** A história de Maná começa em meados dos anos 80 em Guadalajara, México, graças a quatro amigos que se uniram para interpretar músicas de Led Zeppelin, Beatles e Rolling Stones. Estes amigos criaram um grupo chamado “The Green Hat Spies”, que com o tempo se converteria em “Green Hat” e, finalmente, em “Sombrero Verde”, sua tradução para o castelhano.

Como “Sombrero Verde” publicaram os discos “Sombrero Verde” e “A ritmo de rock”, com resultados bastantes pobres em relação às vendas. Houve várias mudanças nos membros da banda, que finalmente ficaria com os seguintes componentes: Fernando Olvera (Fher), Alejandro González (Alex), e os irmãos Juan e Ulises Calleros. A partir daí decidem mudar seu nome artístico para “Maná” e utilizar ritmos mais latinos em suas composições.

Em 1987 publicam seu primeiro álbum, intitulado “Maná”, com resultados discretos, e em 1989 o segundo álbum “Falta Amor”.
Seria durante os dois anos seguintes quando Maná se tornaria conhecido por todo o país, com mais de setenta apresentações e vários prêmios e discos de ouro por seu trabalho.

Em 1992 editam “(¿Dónde jugarán los niños?)”, gravado em estúdios de Los Angeles. Ulisses Calleros se torna o empresário do grupo e entram César López (Vampiro) e Ivan González. O disco se converte em campeão de vendas, não só no México como na maioria dos paises de língua hispânica.

Ao final de 1993, Vampiro e Ivan abandonam o grupo e entra Sergio Vallín, como o quarto membro da banda.

Em 1995 publicam um novo disco, “Cuándo los ángeles lloran”, que novamente se torna um sucesso internacional.

Dois anos depois um novo disco vêm a luz: “Sueños Líquidos”. É publicado simultaneamente em 26 países, incluindo a Espanha, onde conseguiram o disco de ouro em apenas dois meses. Com este disco realizam uma turnê por toda América Latina, Estados Unidos, Canadá, Espanha e uma infinidade de países mais.

Em 1999 publicaram um novo disco, “MTV Unplugged”, para a dita cadeia de televisão, e colaboraram com Carlos Santana em seu último disco.Em 2002 lançam o último sucesso: "Revolución de Amor" (com participação de Rubén Blades e Carlos Santana) e que é o título de sua turnê, que dessa vez incluiu o Brasil.
Em 2006 lançam o álbum "Amar es Combatir" que alcançou o 4º lugar no "Top 200 Álbums" da revista "Billboard" nos Estados Unidos.
Em 2008 Maná lança o CD/DVD "Arde el Cielo". Foi gravado ao vivo de sua última turnê mundial, Amar es Combatir que foi visto por mais de 2 milhões de pessoas na América e Europa. * * *
Maiores detalhes da Biografia em breve!


2 comentários:

noni disse...

Oye.. sobre Fher, creio q é conveniente decir q gosta de garotas bonitas(sirenas),y q novia se diz tambén as mulheres, esposas q vivan juntos sem todavia casarse legalmente, caso de Fher y sua Ana SALUDOS MANÁTICOS

Rosana disse...

Gente, por favor postem novidades sobre a vinda da banda ao Brasil em outubro, e em PoA dia 01/11... Bjão!!